10 conselhos para evitar alergias nas viagens de moto

26 abril 2018

Rinite, asma ou conjuntivite são reações alérgicas que afetam muitos portugueses com a chegada da primavera, por ser pico de polinização das plantas e flores. Viajar de moto (ou de bicicleta) expõe os condutores a esse problema, diminuindo a atenção na estrada e pondo em risco a segurança. E lembre-se de que alguns fármacos para combater a alergia podem causar sonolência e cansaço. Um risco se estiver ao volante. 

1. Saiba qual o tipo de polén a que é alérgico, recorrendo a uma consulta de alergologia. Um teste específico para esta situação pode ser muito útil para saber que zonas geográficas deve evitar nas viagens de duas rodas;

2. Esteja atento à informação sobre as concentrações de pólen que podem ocorrer nesta época do ano. Há zonas mais afetadas que outras;

3. Entre praia e montanha, opte pela praia, uma vez que os níveis de pólen são menores junto à costa;

4. Evite as horas de ponta, evitando circular à primeira hora da manhã e ao final da tarde. A concentração de pólen é mais elevada nesses períodos do dia;

5. Evite também viajar de moto nos dias mais quentes e secos. Opte pelas duas rodas nos dias nublados e com alguns níveis de humidade;

6. Se andar de bicicleta pedale a favor do vento, evitando o contacto do pólen ao nível dos olhos, mucosas e mãos;

7. Proteja o nariz e a boca com máscaras - cada vez utilizadas nos grandes centros urbanos -, sobretudo se viajar de bicicleta. Manter os lábios hidratados é também uma boa recomendação, reduzindo assim a ação da saliva para manter os lábios humedecidos e não ter contacto direto com o pólen;

8. Utilize sempre óculos de sol que atuam como barreira contra o pólen. Mais ao final do dia ou com tempo nublado, substitua-os por óculos de lentes transparentes que têm o mesmo efeito;

9. Se viajar de moto o melhor é utilizar um capacete integral, que além de o proteger contra o pólen, é mais seguro. Verifique se as entradas de ar se encontram bem fechadas e mantenha a viseira sempre baixa para não ter os olhos a lacrimejar ou com ardor;

10. Evite tocar na cara e esfregar os olhos antes de ter as mãos lavadas para não alastrar o pólen. Um pano humedecido é o melhor para aliviar o ardor no rosto ou olhos.

scroll up