O Fórmula 1 para a estrada

13 setembro 2017

A Mercedes, através da divisão de veículos de alta prestação, a AMG, levou à letra um dos lemas mais adorados da indústria automóvel: transpor da pista para a estrada as tecnologias e prestações que levam à conquista de Campeonatos do Mundo de Fórmula 1. É disso que se trata quando se fala do Project ONE.

Este bi-lugar, cujas primeiras linhas foram dadas a conhecer há um ano em Paris, leva para a estrada a mais recente e mais eficiente tecnologia híbrida da Fórmula 1. Com um motor V6 de 1.6 litros e quatro propulsores elétricos a gerarem mais de 1.000 cv de potência, o Project ONE, cujo desenvolvimento teve a contribuição direta do Campeão do Mundo de F1 Lewis Hamilton, é capaz de uma velocidade máxima esperada de mais de 350 km/h e uma aceleração dos 0 aos 200 km/h em menos de seis segundos!

Um nível de prestação invejável em boa parte conseguido através de um princípio simples: a forma segue a função. Ou seja, cada pormenor do design oferece um benefício específico para a prestação geral do veículo.

Por enquanto, a produção do Project ONE ainda não está definitivamente confirmada, mas quando se tornar realidade, e como é normal com qualquer híper carro, estaremos perante reduzido número de exemplares, sendo Hamilton já deixou claro que quer o número 1!

scroll up