A força e a garra de um Porsche Cayenne

10 maio 2017

Um avião rebocado por um automóvel? Sim, e a proeza coube a um Porsche Cayenne que aguentou com sucesso um Airbus A380 d'Air France de 285 toneladas durante uma distância de 42 metros em Paris-Charles de Gaulle, melhorando assim o recorde do mundo precedente do Guinness estabelecido nas 115 toneladas.

Para a ocasião, a Air France disponibilizou o seu hangar H6, equipado com tecnologia de ponta, e um dos seus 10 Airbus A380 para concluir com êxito este projeto. O hangar de 60 000 m2, concebido especialmente para abrigar o Airbus A380 da Air France, costuma albergar todas as atividades de engenharia e de manutenção da frota da companhia. O contraste entre os dois motores é surpreendente: o Porsche Cayenne (4,80 metros de comprimento) foi atrelado ao maior avião de transporte de passageiros do mundo, o Airbus A380 (73 metros de comprimento), através de uma barra de reboque standard do Cayenne.

O recorde do mundo Guinness foi estabelecido em primeiro lugar com o modelo Cayenne S Diesel de 385 cavalos com um binário de 850 Nm. A experiência foi de seguida repetida com um Porsche Cayenne Turbo S.

Richard Payne, técnico da Porsche Grande-Bretagne, comentou: “estou tão aliviado! Habitualmente não vamos tão longe para testar os limites dos nossos carros, mas penso que hoje conseguimos atingir o objetivo. Senti que estava a ser uma tarefa difícil, mas a viatura não mostrou qualquer sinal de fraqueza e fez o que tinha a fazer. Os meus retrovisores estavam cheios de Airbus, o que foi extraordinário”.

Por sua vez, Gery Mortreux, Diretor-geral da Air France Industries, afirmou que “tal como a Porsche, a Air France Industries KLM Engenharia & Manutenção valoriza a curiosidade e procura ultrapassar continuamente os limites da engenharia. Foi uma honra acolher a Porsche no nosso hangar em Paris-Charles de Gaulle, onde trabalham os engenheiros dedicados habitualmente à nossa frota de 10 Airbus A380, um dos mais sofisticados aviões do mundo. Este sucesso ilustra, uma vez mais, a forma como a AFI KLM E&M é capaz de se adaptar a exigências específicas e à paixão que colocamos para ultrapassar cada desafio que assumimos. Foi divertido e entusiasmante ver as duas máquinas a funcionar em conjunto; os nossos engenheiros estavam intrigados e impressionados. Felicitações à Porsche por tamanha proeza”.

scroll up