Automóvel transformado em estúdio de gravação

15 junho 2018

O automóvel é um dos lugares preferidos para ouvir música mas a questão é que muitas vezes não se tem o melhor som, que ajuda a passar melhor o tempo que se passa ao volante, seja em viagens longas, nos trajetos diários para o trabalho ou suportar as filas de trânsito nas grandes cidades.

Por isso, a equipa de Car Audio da Seat utiliza as técnicas e as ferramentas próprias das salas de concerto para obter um som de elevada qualidade no interior dos veículos. O sistema áudio começa a ser desenvolvido logo nas primeiras fases de construção de um modelo em que, por exemplo, a posição das colunas ou o desenho das grelhas influenciam a qualidade acústica no habitáculo.

“Procuramos que todos os passageiros tenham a sensação de estarem num concerto”, explica José Luis Álvarez, engenheiro da marca espanhola. Embora nem todas as colunas estejam na parte da frente do carro, o seu trabalho consiste em procurar esse efeito. Para isso, são empregues técnicas e ferramentas próprias das salas de concerto e dos estúdios de gravação. Uma delas é a equalização, que equilibra os tons agudos, médios e graves com um grande nível de detalhe. Estes testes são realizados com diferentes fontes de som: emissão de rádio, mp3 ou o telefone, por exemplo. Também se ouvem diferentes géneros musicais, desde hip-hop a jazz, temas instrumentais e com voz, para assegurar a melhor qualidade em todos os casos.

Os últimos ajustes são feitos com o automóvel em movimento para que o motor, entre outros fatores, não interfira na qualidade do som. Por isso, os engenheiros fazem os ajustes finais de áudio sentando-se ao volante, voltando a equilibrar novamente os tons que emitem as diferentes colunas.

scroll up