Caramulo Motorfestival arranca em setembro

30 agosto 2018

O Caramulo Motorfestival vai animar a Serra do Caramulo entre 7 e 9 de setembro. O seu vasto programa de atividades foi apresentado esta quinta-feira na sede do ACP com a presença do presidente do ACP, Carlos Barbosa, Salvador Patrício Gouveia, organizador do evento e o presidente da Câmara Municipal de Tondela.

A propósito da parceria do clube na realização do evento, Carlos Barbosa, frisou a crescente projeção “a nível nacional e internacional do Caramulo Motorfestival tanto no aspeto desportivo como por tudo aquilo que se associa ao evento” e também “pela presença de grandes estrelas na rampa”.

Sempre tivemos carinho pelo evento dada a nossa relação com o Museu do Caramulo e a Fundação Lacerda. Por isso, aceitámos o desafio o Salvador Patrício Gouveia em nos associarmos a este acontecimento que traz muita gente à região Centro. O ACP quer investir e estar presente no Caramulo Motorfestival”, adiantou o presidente do ACP.

Salvador Patrício Gouveia, da organização, considerou ser o ACP “a aposta certa nesta parceria com o Caramulo Motorfestival, dando um novo elan ao evento que se realiza há 12 anos”. Salientou também a importância do envolvimento da Câmara Municipal de Tondela, nomeadamente “pelas obras de intervenção que foram feitas na rampa. Só com o envolvimento da autarquia é que foi possível arranjar a Rampa do Caramulo que vai receber 70 carros, mais 20 que no ano passado, entre os quais um considerável número de Ferraris 250”.

Para José António Jesus, o Caramulo Motorfestival “é o maior evento do seu género que acontece na região Centro que este ano ganha novas valências e acrescenta valor pelo conjunto de parceiros envolvidos”. O autarca fez ainda questão de lembrar ser esta uma grande festa do desporto automóvel “tradicionalmente ligada à região com destaque para a mítica Rampa do Caramulo, marca ímpar zona centro, muito conhecida pela adrenalina que proporciona aos pilotos participantes”.

O autarca de Tondela salientou ainda a importância do envolvimento do ACP “pelo seu contributo em termos de inovação, melhoria e prestígio a nível desportivo, num acontecimento também dedicado às famílias” graças a diversas atividades lúdicas que durante um fim de semana integram o evento.

A XIII edição do Caramulo Motorfestival vai “contar com uma longa lista de pilotos convidados, a participar na Rampa Histórica do Caramulo. Desde a fórmula 1 ao motociclismo, os pilotos em prova terão oportunidade de competir, fazer demonstrações e ainda ter um contacto direto com o público durante todo o fim de semana, além de uma sessão de autógrafos”, adiantou Salvador Patrício Gouveia.

Entre estes pilotos vão estar o italiano Valentino Balboni, piloto de teste chefe da Lamborghini desde 1968 e atual embaixador da marca, o francês Cyril Neveu, que venceu cinco vezes o Paris-Dakar, incluindo a primeira edição da prova, em 1979, Pedro Lamy, um dos mais reconhecidos nomes do automobilismo português, que já passou e pontuou em provas tão importantes como a Fórmula 3000, Fórmula 1, DTM, 24 Horas de Le Mans ou 24 Horas de Nürburgring ou, ainda, André Villas-Boas, um apaixonado por automóveis clássicos e desportivos que já participou em provas como a Baja Portalegre 500 de 2016 ou o mítico Rally Dakar.

Ao Caramulo vão também deslocar-se várias figuras de renome do motociclismo, da Fórmula 1, do Endurance e do Todo-o-Terreno, como Francisco Sande e Castro, Joaquim Rino, Mário Barbosa, Pedro Salvador, Rosário Sottomayor, Carlos Palma, Filipe Lourenço, Miguel Bilhota e Dinis Borges.

No total, vão estar presentes cerca de 800 carros e motos, e ao conjunto de Ferraris 250, juntam-se outras raridades como o Ferrari português mais antigo em Portugal - um 195 inter de 1951 -, um 500 mondial ou um 166 mm, que após 55 anos regressa a Portugal vindo da África do Sul, e que depois do evento vai ficar no Museu do Caramulo. Pela primeira vez, a edição deste ano vai ser transmitida via Live Streaming e com diretos para televisão duas vezes por dia.

scroll up