Carros autónomos estão cada vez mais perto

09 novembro 2017

A frota da Renault, Nissan e Mitsubishi vai incluir, a partir de 2020, carros autónomos, divulgou hoje, em Lisboa, um responsável da área tecnológica, referindo que a implementação vai depender das leis governamentais.

“A partir de 2020 vamos chegar às cidades, mas tem de haver um crescimento gradual. Só nessa data é que achamos que podemos operar veículos sem intervenção humana”, disse Ogi Redzic, responsável pela área dos carros conectados e da mobilidade da Renault, Nissan e Mitsubishi. Falando numa conferência de imprensa na cimeira de tecnologia e empreendedorismo Web Summit, que decorreu em Lisboa, o responsável disse, contudo, que “ninguém consegue estimar uma data concreta, porque isso vai depender do que os governos permitirem. Temos de trabalhar perto da área da legislação”, indicou, realçando que isso também vai mudar consoante os países. Vai também depender, a seu ver, da capacidade das infraestruturas, como as vias, assinalou.

“A autonomia dos carros não é algo que seja preto ou branco, tem de haver uma introdução progressiva. Já introduzimos no Japão em 2016 e, em 2018, vamos continuar com esta aposta”, referiu Ogi Redzic. O responsável notou que estes são “carros comuns, não são muito dispendiosos”. Já aludindo à aposta em carros conectados, ou seja, aqueles que estão equipados com ligações para entretenimento e segurança, Ogi Redzic estimou que 90% dos veículos da empresa incluam estas funcionalidades “a médio e longo prazo”.

scroll up