Das maquetas de barro à realidade virtual

21 setembro 2017

O processo de estudo e desenvolvimento de novos automóveis está prestes a sofrer mais uma grande alteração, pelo menos para a Ford. Se há umas décadas foi a introdução dos gráficos gerados por computador para o projeto 2D dos carros, e depois a implementação de imagens digitais tridimensionais para visualização do que seria o carro, agora as alterações prometem ser bem maiores e deixam antever o fim das maquetas de barro.

Em parceria com a Microsoft, o construtor americano está a desenvolver o inovador Microsoft Hololens, nada mais, nada menos, que um ambiente de realidade virtual em que se podem comprovar alterações de forma imediata, em tamanho real e com muito mais informação.

Até agora, este tipo de alterações só podia ser comprovado com a construção, ou alteração, de maquetas de barro, o que era um processo moroso, de semanas ou meses. Com este novo ambiente virtual, as alterações levam minutos, ou horas.

Mas essa não é a única vantagem. Com o Hololens os projetistas podem avaliar texturas, tamanhos, posicionamento e o resultado que estas alterações podem provar em qualquer componente do carro.

Enquanto num modelo de barro uma alteração a um retrovisor apenas dá uma noção estética e de prestação aerodinâmica, com o Hololens os desenhadores podem ir bem além disso e, por exemplo, ver de imediato o quanto o condutor ganha em visibilidade para a retaguarda e que alterações sofre o ângulo morto.

Aplicado sobre veículos já existentes, a projeção virtual do Hololens permite, através da utilização de óculos de realidade virtual, ver também problemas detetados por outros precisamente do seu ângulo de visão, sem margem para dúvidas, o que permite uma comunicação muito mais acurada entre engenheiros e desenhadores.

Mas as utilizações do Hololens, que vai agora começar a ser testado pela Ford a nível mundial, pode ir muito além disso... Imagine-se num futuro próximo a entrar num stand de vendas e mergulhar numa versão virtual do carro quer pretende comprar, escolhendo melhor a cor, avaliando a estética dos mais variados opcionais e por aí adiante.

scroll up