Genebra está quase a chegar com novidades aliciantes

01 março 2018

O Salão de Genebra volta a provocar sonhos entre 8 e 18 de março, com a indústria automóvel a apontar para a mobilidade elétrica, como um dos caminhos do futuro. Entre protótipos e conceitos, mais ou menos reais, os construtores prometem novas emoções, com os dias 6 e 7 de março a ficarem inteiramente reservados à imprensa, para as primeiras opiniões.

Num nicho intocável, a Bentley revela a versão híbrida do SUV Bentayga, enquanto a Ferrari continua a surpreender, agora com o 488 Pista. Design vanguardista e agressivo é a receita da Lexus com o UX ou o LF-1. Não menos ousada no que toca a esboços vanguardistas, a Mazda mostra o Vision Coupé e o Kai Concept, mas não esquece a sua nova carrinha, a 6 Wagon. Ainda dentro do pacote especial destinado aos sonhadores, o Porsche 911 GT3 RS faz as delícias dos mais desportivos, talvez em contraste com a elegância de um Aston Martin Vantage.

Enquanto um superdesportivo de encantar, como o Mc Laren Senna, pode causar sensações inexplicáveis, as marcas continuam a apostar em modelos mais reais, mas que não deixam de acompanhar a evolução dos novos tempos. A Honda coloca novos argumentos no Jazz e no Civic, enquanto sugere projetos elétricos como o Sports EV Concept, ou o Urban EV. A Mercedes-Benz mostra-se confiante com o mais recente Classe A, mantendo a sua fórmula de sucesso para o novo Classe C.

Para a Hyundai o novo Santa Fé vai ser estrela em Genebra, mas a seu lado, o Kauai elétrico mostra como um SUV compacto pode herdar soluções interessantes do Ioniq, mas neste caso com duas opções de motor elétrico. Também ligada à corrente vai estar a Jaguar com o novo i-Pace, enquanto a Volvo apadrinha o lançamento da “sua” marca desportiva Polestar, não deixando de lançar oficialmente a novíssima Volvo V60.

O novo X4 vai ocupar um espaço especial no pavilhão da BMW, além do concept M8 Gran Coupé que antevê um importante membro de uma ofensiva nos modelos luxuosos que a marca está a desenvolver. A Toyota mostra novas versões do Aygo e do Auris, mas projeta o futuro com o Supra Concept. A Citroen redireciona o Berlingo e a Peugeot vai mostrar um Rifter 4x4, deixando para destaque o arrojado 508, um automóvel muito importante para a Peugeot. No Grupo Volkswagen a Audi parece ser a marca com mais apetite, desde o pequeno A1, passando pelo novo A7 e pelo Q3, até chegar ao topo de gama, com o colossal Q8. Em termos desportivos, há que contar com o SQ8 e o RS5. A Volkswagen vai idealizar o futuro com o ID Vizzion e a Skoda também quer surpreender com o Vision, para além de mostrar o novo Fabia. Mas para além destes indicadores, vai haver muito mais para mostrar num evento que é referência para a indústria automóvel mundial.

scroll up