Lisboa na moda tecnológica dos automóveis

08 novembro 2018

Lisboa está na rota do desenvolvimento tecnológico do setor automóvel, a par de cidades como Wolfsburg e Berlim, já que o investimento das principais marcas e grupos automóveis da Alemanha estão a escolher a capital portuguesa para ali instalarem os seus centros tecnológicos. 

Primeiro foi a Mercedes, em maio, a anunciar o seu Digital Delivery Hub, o primeiro centro de fornecimento de serviços digitais e de soluções globais de software destinado ao mercado mundial, com o qual a marca alemã pretende tornar-se uma referência ao nível de serviços de mobilidade premium. Ao todo, estão previstos 125 trabalhadores até ao fim do ano.  

Já esta semana, em ambiente Web Summit, foi a vez do gigante Volkswagen abrir o seu terceiro centro tecnológico em Lisboa, empregando 300 especialistas que se dedicam a desenvolver software principalmente para os ecossistemas digitais e processos corporativos internos daquele grupo automóvel. Uma centena desses especialistas trabalham em serviços alojados na Cloud especificamente para o setor de veículos comerciais da MAN Truck & Bus. Lisboa junta-se a Wolfsburg e Berlim na lista de cidades que albergam estes centros de desenvolvimento tecnológico. 

Por fim, esta quinta-feira chegou o momento da BMW oficializar Portugal como ponto de desenvolvimento informático da marca da Baviera. Entre Lisboa e o Porto, a BMW vai criar 500 postos de trabalho, grande parte deles já a funcionar, tendo decorrido mais um processo de seleção. 

scroll up