McLaren P1 elétrico para nova gama de clientes

28 setembro 2016

Não há amante de automóveis que não goste de superdesportivos e há nomes que despertam sempre as atenções, que nos transportam para um mundo de sonho e viagens pela fantástica história do automobilismo. A McLaren é uma dessas marcas e se até agora todos os veículos produzidos pela casa de Woking estavam fora do alcance da maior parte dos bolsos, isso está prestes a mudar.

Com o intuito de sublinhar a importância de um futuro sustentável e de começar a preparar os seus clientes – presentes e futuros – para a mudança para a estratégia TRACK 22, que pretende desenvolver um veículo totalmente elétrico, a McLaren antecipou a aplicação desse mesmo objetivo.

Com base no McLaren P1, a marca britânica já disponibilizou o primeiro veículo totalmente elétrico, mas apenas para um grupo limitado de potenciais clientes... Para adquirirem esta nova proposta do construtor britânico os interessados têm de ter até seis anos de idade!

O pequeno McLaren P1 difere do seu irmão mais volumoso em duas áreas importantes. Primeiro, tem uma posição de condução central, como o lendário McLaren F1, e, em segundo lugar, os jovens proprietários terão a oportunidade de rodar de cabelos ao vento... Algo que os mais graúdos não poderão fazer. Comum a ambas as máquinas, as inconfundíveis portas tipo asa de borboleta.

Em termos de equipamento de série, a mais recente oferta da McLaren conta com botão Start/Stop, luzes, ar-condicionado, leitor de MP3 e sistema de som. Em termos de prestação, a aceleração dos 0 aos 5 km/h (velocidade máxima do carro) é de apenas dois segundos. Já no que respeita à cor, e ao contrário do que é tradicional na marca, este modelo exclusivo está disponível apenas em Amarelo Vulcano.

O arranque da comercialização está previsto para o final de outubro em revendedores selecionados da McLaren, com o preço anunciado de 375 libras (cerca de 435 euros). Só depois dessa data o modelo deverá estar disponível em lojas de brinquedos a nível mundial.

scroll up