Mitsubishi ajuda no combate dos incêndios florestais

02 agosto 2017

Ao abrigo do Plano Faunos, um protocolo entre o Exército e o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), este ramo das Forças Armadas vai intervir na prevenção dos incêndios florestais, uma questão que este ano tem estado na ordem do dia.

A participação dos militares compreende atividades como vigiar matas nacionais, perímetros florestais e áreas protegidas durante o período crítico de incêndios florestais, assim como sensibilizar populações para os perigos de certas práticas relacionadas com fogos, funcionando como agentes dissuasores de atitudes que possam levar a ignições de incêndios florestais. 

É nesse âmbito que a Mitsubishi se junta a este plano com a cedência de duas pick-ups L200, devidamente identificadas com o logo do Plano Faunos, e que vão servir para transporte no terreno, numa operação que prevê cerca de cinco mil horas de vigilância no total. 

scroll up