Primeiro atropelamento mortal por carro autonómo

19 março 2018

A Uber Technologies Inc. suspendeu o seu programa de testes de veículos autónomos (sem condutores) depois de esta segunda-feira um dos seus carros ter matado por atropelamento uma mulher em Tempe, Arizona, naquela que é muito provavelmente a primeira morte de um peão devido a esta tecnologia.

A mulher estava a atravessar a estrada fora de um cruzamento quando o veículo da Uber a atingiu. A viatura circulava em modo autónomo, mas sob a supervisão de um motorista de segurança, de acordo com o Departamento de Polícia de Tempe. A vítima foi transferida para um hospital local, onde não resistiu aos ferimentos.

scroll up