Tata cria submarca desportiva para conceber o Racemo

10 março 2017

Famosa por fazer o carro mais barato do mundo, a indiana Tata criou recentemente uma submarca de performance designada Tamo que deu a conhecer no Salão de Genebra o seu desportivo Racemo.

Trata-se de um coupé de dois lugares com bloco 1.2 dotado de turbo que permite ao Racemo alcançar 190 cv que associado a um baixo peso, acelera dos 0 aos 100 km/h em 6 segundos.

Apesar do modelo cobinar engenharia e estilo genuinamente indianos os designers da marca quiseram que também conseguir surpreender no segmento dos desportivos com este concept que promete rasgar o vento com a máxima eficiência, com um capot e flancos bastante esculpidos e uma traseira dominada pelo grande difusor na seção inferior.

Anunciado como o primeiro carro Phygital (da junção de físico e digital) com origem na India, o modelo fará da conetividade um dos elementos-chave, com diversas funções como a navegação, geo-localização e análise do comportamento a ficarem guardadas e sempre acessíveis na Cloud.

scroll up