Volvo revolucionou o cinto de segurança há 55 anos

25 julho 2017

A Volvo tem assinado algumas das principais inovações que mudaram o mundo automóvel e a vida das pessoas, sendo o cinto de segurança de 3 pontos um dos exemplos mais flagrantes, uma invenção que é considerada por muitos a principal em matéria de segurança automóvel.

Foi em julho de 1962, há 55 anos, que o United States Patent Office atribuiu ao engenheiro sueco da Volvo, Nils Bohlin, a patente nº 3043625 pelo design do seu cinto de segurança de 3 pontos. Mas, se se quiser ser um pouco mais rigoroso, pode-se até dizer que foi há 58 anos que a marca sueca revolucionou o cinto de segurança pois foi em 1959 que aplicou nos seus modelos (Amazon e PV544) o cinto de segurança de 3 pontos. Nessa mesma altura, Nils Bohlin solicitou a atribuição da patente.

O design desta inovação teve tanto de simples como de eficiente: a combinação de um cinto diagonal e de outro horizontal, que formavam um “V” e que estavam presos a um ponto de fixação baixo, colocado de forma lateral ao assento, capaz de assegurar que os cintos se mantinham na sua posição mesmo após um acidente.

Alguns anos mais tarde, a Volvo demonstrou todo o seu compromisso com a segurança automóvel e viria a oferecer esta patente a todos os construtores para que estes a pudessem utilizar nos seus automóveis. Isto significa que todos os condutores podem beneficiar de um pouco da tecnologia de segurança da Volvo, independentemente da marca que estejam a conduzir.

scroll up