Baja: “É a melhor prova da Europa, a grande referência"

27 outubro 2016

Tem um dos currículos mais recheados do TT, com 11 vitórias no Dakar e em muitas outras provas com um grau de dureza igualável. E em várias disciplinas, seja ela carro, mota ou UTV. É por isso que a opinião de Stephane Peterhansel conta. E muito: “Neste momento a Baja de Portalegre é uma referência para mim, é uma excelente experiência, com um traçado muito interessante, sendo para mim uma das melhores bajas da Europa, até pelo nível da organização”.

Tendo corrido já em carro, mota e UTV (sendo esta a categoria em que corre este ano), Peterhansel teve um choque com a realidade na primeira vez que correu na Baja Portalegre 500: “Foi há cerca de 20 anos, estava no auge da minha carreira, ganhar o Dakar estava a tornar-se um habito e achava que vinha aqui ganhar também com facilidade. Enganei-me e não foi por pouco, pois a prova revelou-se muito dura e os concorrentes eram excelentes. Creio que nesse ano ganhou um português, o que me deu a perceção de que Portugal tem excelentes pilotos”.

scroll up