Camacho vence e Barbosa sobe a 2º do Nacional

05 agosto 2017

Alexandre Camacho acabou por ser o grande vencedor do Rali Vinho da Madeira. O piloto da casa começou por ser nono na Super Especial da Av. do Mar, no Funchal, subindo depois a líder e, em seguida desceu para segundo. Posição que acabou por ocupar durante a maior parte do rali.

Contudo, um disco de travão do Hyundai i20 R5 partido levou Miguel Nunes a ter de desistir, entregando assim de bandeja a liderança da prova ao homem do Peugeot 208 T16. Ainda assim, Camacho não teve tarefa fácil, com Giandomenico Basso a oferecer boa luta depois de ter passado também pela liderança no primeiro dia de prova. O italiano do Hyundai i20 R5 nunca baixou os braços e deixou a decisão da vitória para os momentos finais, com Camacho a conseguir apenas alguma folga a partir da da SS17 para terminar com 15,6s de vantagem para Basso.

A fechar o pódio ficou João Silva (+1:41,7s). O piloto Citroën DS3 R5 começou a prova de forma bastante modesta, mas assim que chegou aos quatro primeiros mostrou-se extremamente regular e acabou por subir aos três primeiros com a desistência de Nunes. Miguel Campos (Skoda Fabia R5 , +2:48,9s) e Simone Tempestini (Citroën DS3 R5, +3:50,7s) completaram o Top 5.

Enquanto isso, Miguel Barbosa foi sexto da geral (+3:58,7s), o que em termos de Campeonato Nacional acabou por se traduzir na primeira vitória do piloto do Skoda Fabia R5. Barbosa, que já tinha conseguido vitórias no Todo-o-Terreno e na Velocidade, conseguiu agora também saborear o champanhe nos Ralis, um resultado que lhe valeu a subida ao segundo posto da classificação absoluta.

scroll up