Fronteira tem sempre mais encanto para António Coimbra

26 novembro 2016

António Coimbra tem forte ligação à carismática prova de resistência que anualmente transforma o Alto Alentejo. Durante muitos anos foi o rosto da Vodafone em Portugal e a sua paixão pelo desporto automóvel levou-o a participar em diversas edições das 24 Horas de Fronteira, tendo inclusivamente conquistado posições de destaque naquela que é a grande festa do desporto automóvel em Portugal no final das últimas 19 épocas desportivas. Hoje com outras funções na empresa, António Coimbra não deixa de sentir que deve estar presente nesta prova de resistência organizada pelo ACP. Este ano ensaiou uma participação nas 3 Horas TT UTV-Buggy ao volante de um Polaris RZR XP Turbo.

“Tenho um carinho muito especial por esta prova que fecha a época num ambiente sempre fantástico. Este ano resolvi vir para me divertir e tiro um imenso prazer em poder correr neste traçado mítico”.

Para António Coimbra, desta vez, o ritmo foi outro: “Numa prova de resistência como as 24 Horas, para se ganhar é necessário ter um ritmo próprio e gerir tudo muito bem. Nos UTV’s não é assim, uma vez que todas as voltas são feitas para se tentar ser cada vez mais rápidos. É uma gestão completamente diferente, embora em todas as voltas se sinta um verdadeiro prazer de condução”, disse António Coimbra que viria a terminar as 3 Horas UTV-Buggy deste ano num excelente 4º lugar. Para ele é praticamente impossível não estar presente em Fronteira, porque: “Também sinto esta prova como minha”.

scroll up