Morreu o único campeão de F1 e MotoGP

10 março 2017

Foi no motocliclismo que John Norman Surtees conquistou o maior palmarés, mas foi precisamente por lhe adicionar um campeonato de Fórmula 1 que a sua carreira se tornou ainda mais especial, podendo até dizer-se que ainda se mantém única em toda a história do desporto motorizado. 

"Big John", como era conhecido, tem outros marcos na carreira como, por exemplo, ter sido o primeiro piloto a vencer três vezes seguidas em moto o perigossímo circuito da Ilha de Man. Foi nas duas rodas que se lançou no desporto motorizado, e foi na classe de 500 cc que se tornou famoso, ao vencer quatro campeonatos (1956, 1958, 1959 e 1960). Aliás, em 1958, 1959 e 1960 John Surtees venceu também os respectivos campeonatos de 350 cc. 

Depois de alcançado este feito, "Big John" virou-se em 1960 para as quatro rodas a tempo inteiro, conseguindo logo no primeiro ano conquistar a pole-position no GP de Portugal, no Porto, prova que Jack Brabham viria a vencer. Em 1964 venceria o campeonato, tornando-se no primeiro, e até agora único, a conseguir vencer campeonatos nas duas disciplinas. Correu em Fórmula 1 até 1972, tendo disputado 113 provas, das quais ganhou seis. 

Período negro na sua história foi em 2009, quando o seu filho Henry, de 18 anos, perdeu a vida num acidente de Fórmula 2, razão pela qual criou a The Henry Surtees Foundation.

scroll up