Ogier voltou a guiar o seu inesquecível Polo WRC

23 outubro 2017

Sébastien Ogier, que venceu o FIA World Rally Championship (WRC) quatro vezes com a Volkswagen, voltou a estar ao volante de um Polo R WRC pela primeira vez desde que a marca alemã abandonou o Mundial de Ralis. A ocasião foi o Rallylegend em San Marino - a reunião anual para pilotos e carros lendários de rali.

O evento deste ano foi realizado em memória do campeão mundial de rali Colin McRae, que morreu em 2007 e, consequentemente, apresentou uma formação especialmente impressionante. Os convites foram enviados pelo copiloto vencedor do campeonato mundial Luis Moya.

Além de Ogier, também esteve presente o campeão dos campeões, Sébastien Loeb, Juha Kankkunen, Ari Vatanen, Stig Blomqvist, Petter Solberg, Didier Auriol, Miki Biasion e Marcus Grönholm, que participaram num desfile de carros emblemáticos para cerca de 70 mil fãs. Os pais, o irmão e a filha de McRae também estiverem presentes no Rallylegend.

"Infelizmente, não fiz parte da geração que conheceu pessoalmente Colin McRae", explicou Ogier, que foi muito solicitado para dar autógrafos. "Mas era para mim um ídolo e uma verdadeira inspiração para a minha carreira de piloto de rali. É realmente uma honra estar aqui. Além disso, foi bom estar de volta ao Polo depois de tanto tempo", confessou o atual líder do Mundial de Ralis, ao volante de um Ford Fiesta WRC da euipa M-Sport.

scroll up