Thierry Neuville vence guerra de nervos com Sébastien Ogier

10 junho 2018

Desta vez Ogier não resistiu à pressão de Neuville, com a luta pela vitória no Rali da Sardenha a durar até aos últimos metros do derradeiro troço. Tanto Neuville como Ogier, lutaram na Power Stage, não só pela vitória na prova, mas também pelos respetivos pontos de bonificação. Num dos ralis do WRC mais disputado dos últimos tempos (Neuville também já tinha vencido o ano passado na Argentina com a mesma diferença de 0,7 segundos), o piloto belga da Hyundai aumenta a vantagem na liderança do WRC 2018, depois de ter assinado uma exibição notável no derradeiro dia de competição, conquistando 4 vitórias nos 4 últimos troços do rali, numa dança constante de décimas de segundo, que desta vez Ogier não conseguiu controlar.

O piloto da Ford estava no comando do rali desde a 6ª especial de classificação, sempre perseguido por Neuville que acabou por assinar uma exibição verdadeiramente notável, vencendo a Power Stage por 1,5 segundos, quando à partida tinha uma desvantagem de 0,8 segundos para Ogier. E se a luta pela vitória foi o ponto mais alto desta 7ª ronda do mundial de ralis, a luta pelo 3º lugar do pódio esteve entregue à Toyota, com Esapekka Lappi a conseguir segurar essa posição, terminando a prova a 1m56,3 do vencedor. Na estratégia dos pontos para os construtores, a Hyundai conseguiu a 4ª posição com Hayden Paddon a 2m55,2 de Neuville, enquanto a Citroen, que já não conta com Meeke, obteve a 5ª posição com Mads Ostberg a 3m10,9 e o 6º lugar Craig Breen a 4m31,7 do vencedor.

Na Sardenha a Power Stage acabou por ser o centro de todas as emoções. Thierry Neuville conquista aí a vitória na prova e mais 5 pontos de bonificação, com Ogier a somar mais 4 pontos pelo segundo lugar. Ott Tanak em Toyota foi o 3º mais rápido somando 3 pontos adicionais, seguido pelo Hyundai de Andreas Mikkelsen e pelo Ford de Elfyn Evans.

No WRC2 a Skoda não dá qualquer tipo de hipóteses, conquistando a sua 6ª vitória em 7 provas disputadas. Desta vez foi com o Fabia R5 tripulado por Jan Kopoecky. Depois do Rali da Sardenha, Thierry Neuville aumenta a vantagem na liderança do WRC 2018, passando a contar com 149 pontos. Sébastien Ogier é o 2º com 122 pontos e Ott Tanak está no 3º lugar com 79 pontos, seguido por Esapekka Lappi com 70 e por Dani Sordo com 60 pontos.

scroll up