Verstappen surpreende com vitória

01 julho 2018

Tudo levava a crer que a Mercedes ia garantir mais uma dobradinha no GP da Áustria com Valtteri Bottas e Lewis Hamilton, mas a verdade é que tudo o que podia correr mal à formação germânica acabou mesmo por correr.

Primeiro Bottas desistiu com problemas de caixa de velocidades, depois os estrategas da equipa erraram ao não chamar Hamilton às boxes durante o subsequente período de safety car virtual. Pouco depois Hamilton acabou por ter de parar também ele, mas por falta de pressão no combustível.

Foi desta forma que a Mercedes registou o primeiro duplo abandono desde o GP de Espanha de 2016, com Hamilton a dar por terminada uma impressionante sequência de 33 corridas nos pontos e, ao mesmo tempo, a ceder a liderança no Campeonato para Sebastian Vettel, que foi terceiro e assim conseguiu converter 14 pontos de atraso num de vantagem sobre o britânico.

Quem também beneficiou muito com o desaire da marca da estrela foi Max Verstappen, que assegurou a quarta vitória da carreira, à frente de Kimi Raikkonen, da Ferrari.

Às portas do pódio ficaram os Haas de Romain Grosjean e Kevin Magnussen, com Esteban Ocon, da Force India, a fechar a lista dos seis primeiros.

scroll up