Audi lança desafios importantes com o novo A6

31 outubro 2018

Agressividade de design, dinâmica mais desportiva, conforto para todos os passageiros e digitalização de topo, são os ingredientes de uma fórmula que a Audi pretende ser de sucesso para um modelo que durante cinco décadas contribuiu com uma imagem de prestígio para a marca alemã. Olhando de frente a concorrência, a forte aposta nas qualidades do novo A6, não são mais do que uma mudança enérgica em relação à geração anterior, tanto ao nível exterior como interior, mas essencialmente numa forte componente de tecnologias digitais. Uma 8ª geração carregada de atributos.

Disponível já em novembro com duas motorizações diesel, o novo Audi A6 oferece as configurações Limousine e Avant, com o importador a fazer uma forte aposta na visibilidade da carroçaria de três volumes, reservando-lhe desafios importantes, especialmente entre as tão apetecíveis frotas. Até à data a apetência dos clientes A6 tem recaído na carrinha, mas as novas linhas aerodinâmicas e mais desportivas, tornam a Limousine mais elegante e tentadora. O novo A6 cresceu em todos os sentidos, oferecendo também no interior mais espaço à frente e também nos lugares traseiros.

Em novembro o A6 Limousine e Avante vem equipado apenas com dois motores diesel. O 40 TDI, utiliza um bloco quatro cilindros de 2,0 litros, com 204 cv de potência, e o 50 TDI, que monta um motor V6 de 3,0 litros, com 286 cv de potência. Em março do próximo ano, é esperada uma versão biturbo com 354 cv, enquanto as motorizações a gasolina só deverão surgir no 2º semestre de 2019. Em relação a preços, para as motorizações de 2,0 litros, tudo começa nos 59.950€ para a Limousine e nos 62.550€ para a Avant. Para os mais musculados V6 de 3,0 litros os preços arrancam nos 84.250€ para a Limusine e nos 86.850€ para a carrinha Avant.

scroll up