Está aí o terceiro SUV da ŠKODA

26 fevereiro 2019

A Škoda já revelou o terceiro modelo do seu portfólio de SUV: o Škoda Kamiq. Tal como os bem-sucedidos Škoda Kodiaq e Karoq, o nome Kamiq também tem como origem a língua dos inuits, um povo esquimó que habita o norte do Canadá e da Gronelândia. O seu significado mostra a ambição da marca checa para esta nova proposta, pois significa "algo que se encaixa na perfeição".

Apontado ao crescente segmento dos utilitários citadinos, o Škoda Kamiq combina as vantagens de um utilitário desportivo - ao trazer maior distância ao solo e uma posição elevada do banco - com a agilidade de um carro compacto. Com um design emotivo, sistemas de assistência e infoentretenimento de última geração, assim como uma quantidade generosa de espaço e vários recursos Simply Clever, o novo Kamiq satisfaz igualmente as necessidades dos clientes com agregado familiar maior.

O interior é dominado pelo ecrã independente que está bem posicionado no campo de visão do condutor e que com 9,2 polegadas se torna um dos maiores do seu segmento. O painel de instrumentos redesenhado dá seguimento à linguagem de design emotivo do exterior. O painel de instrumentos tem novos elementos decorativos e os acabamentos das portas dianteiras apresentam uma superfície de espuma macia de alta qualidade com uma nova textura. A iluminação ambiente, disponível em três cores, também ajuda a proporcionar uma agradável sensação de espaço e destacam as sombras e costuras contrastantes e coloridas dos assentos. O Škoda Kamiq também oferece uma posição mais elevada em comparação com o Škoda Scala.

Todos os motores do Škoda Kamiq são unidades de injeção direta com turbocompressores. Dotados de recuperação de energia de travagem, bem como a tecnologia Start/Stop, cumprem com o padrão de emissões Euro 6d-TEMP, o mais rigoroso da atualidade. O motor de nível básico é um 1.0 TSI com 95 cv. Este três cilindros produz um binário máximo de 175 Nm e dispõe de uma caixa manual de 5 velocidades.

O mesmo motor, mas com uma potência de 115 cv, traz uma caixa de 6 velocidades de série, mas pode ser equipado com uma caixa DSG de 7 velocidades. Esta versão gera um binário de 200 Nm. O motor de topo é o 1.5 TSI de quatro cilindros com potência de 150 cv e torque máximo de 250 Nm. A tecnologia de cilindro ativo (ACT) desliga automaticamente dois cilindros quando a carga é leve, economizando combustível. Este motor também está disponível com caixa DSG de 7 velocidades como alternativa à caixa manual de 6 velocidades. Todos os três motores a gasolina estão equipados com filtro de partículas de gasolina.

O motor diesel 1.6 TDI de quatro cilindros com 115 cv também oferece 250 Nm de binário. Equipado com um conversor catalítico SCR com injeção AdBlue e um filtro de partículas diesel, este motor diesel eficiente está acoplado a uma caixa manual de 6 velocidades, mas também pode ser encomendado com caixa automática DSG de 7 velocidades.

A versão mais recente do motor 1.0 G-TEC é uma forma ainda mais eficiente e ecológica de conduzir o novo Škoda Kamiq. Este motor de três cilindros tem uma potência de saída de 90 cv e um binário máximo de 160 Nm e foi concebido para funcionar com gás natural (CNG). Isso gera menos emissões de CO2 e NOx em comparação aos combustíveis convencionais. A potência é transmitida através de uma caixa manual de 6 velocidades.

scroll up