SUV Citroën C5 Aircross chega a Portugal

28 janeiro 2019

Robusto, musculado e com linhas fuídas por fora, o SUV Citroën C5 Aircross oferece 30 combinações entre as sete cores de carroçaria a permitirem aos clientes uma vasta possibilidade de personalizações, associadas a um tejadilho bi-tom preto e três packs de cor compostos por inserções coloridas nos para-choques ou nos Airbump, do seu habitáculo transparece uma sensação de proteção e de espaço, em muito graças aos seus materiais acolhedores e possibilidade de optar por cinco atmosferas diferentes, conferindo-lhes um espírito casual chic.

Além de um painel de instrumentos a toda a largura do automóvel e bancos envolventes, onde a posição em altura permite um domínio da estrada, o SUV C5 Aircross está assente no programa Citroën Advanced Comfort, que resulta numa nova experiência a bordo, associada à modularidade exclusiva permitida pelos três bancos individuais, rebatíveis e reclináveis, assim como uma bagageira Best in Class, compreendida entre os 580 e os 720 litros, mas que pode chegar aos 1.630 litros.

Moderno e tecnológico, está dotado de 20 tecnologias de apoio à condução, incluindo o Highway Driver Assist, dispositivo de condução autónoma de nível 2, o Grip Control com Hill Assist Descent para lidar com estradas em terra batida, bem como seis tecnologias de conetividade incluindo o carregamento sem fios para smartphones.

A gama portuguesa é composta por 13 variantes, que dividem entre si mecânicas Euro 6.2 eficientes e performantes de última geração, duas a gasolina como os blocos 1.2 PureTech 130 S&S CVM6 e 1.6 PureTech 180 S&S EAT8 a que se juntam os motores Diesel 1.5 BlueHDI 130 S&S CVM6 e 1.5 BlueHDI 130 S&S EAT8. Adicionalmente, o bloco 2.0 BlueHDI 180 S&S EAT8 está disponível por encomenda. Os preços começam nos 27.315 euros.

No final de 2019, o modelo será o primeiro Citroën a adoptar a cadeia de tração Plug-In Hybrid PHEV que permite valores de emissões de CO2 significativamente mais baixos e uma autonomia de 60 km em modo ZEV.

scroll up