35 anos de Ferrari 288 GTO

21 março 2019

Com base nas linhas do Ferrari 308, a marca italiana desenvolveu e comercializou aquele que é visto como o Grupo B de ralis mais fantástico de todos os tempos e, para muitos, um dos Ferrari mais bonitos alguma vez fabricado.

Por essa altura o Campeonato do Mundo de Ralis vivia um dos mais emocionantes períodos da sua história, rivalizando com a própria Fórmula 1, e a Ferrari, como aliás também a Porsche com o 959, não quis ficar de fora e lançou o 288 GTO.

Para ir ao encontro dos regulamentos do Campeonato, as marcas eram obrigadas a produzir 200 unidades homologadas para estrada e, a partir destas, derivar os modelos de competição para ralis.

A Ferrari cumpriu com todas as imposições mas, depois de produzir 272 unidades em 1986, acabou por nunca concretizar o sonho de entrar nos ralis. Os acidentes mortais no Campeonato levaram ao fim dos Grupo B e, com isso, ao fim do motivo que tinha levado à criação do 288 GTO. E se a Porsche optou por reciclar o 959 e levá-lo para as areias do deserto para participar em raids como o Dakar, a marca de Maranelo optou por nunca fazer competir as suas máquinas.

Uma das outras curiosidades deste modelo incontornável da história da Ferrari é o facto de estar dotado de um bloco de 8 cilindros o que, para o fundador da marca Enzo Ferrari, era praticamente um sacrilégio pois para ele nada se comparava a um V12.

Contudo, para poder competir no Mundial de Ralis e respeitar o limite de 4 litros, não havia outra solução. O resultado, um carro fantástico, com 400cv de potência de uma velocidade máxima superior a 300 km/h. Tudo isto com, por exemplo, umas “rodinhas” de apenas 16 polegadas, sem travões ABS, nem controlo de estabilidade, nada do que hoje é regra num superdesportivo.

Mesmo assim, o 288 GTO era um verdeiro carro de competição feito de raiz para poder ser homologado de forma a circular legalmente na estrada e é, ainda hoje, dono de prestações excelentes, não fosse o seu peso apenas 1.160 kg. Ou seja, cerca de 3 kg por cavalo de potência!

Tudo factos que fazem deste Ferrari um modelo incontornável da marca e um dos mais valorizados.

scroll up