Agora é Thierry Neuville que domina na Austrália

18 novembro 2017

Na Austrália a Hyundai não deixa a liderança da última prova do WRC 2017. Depois de Mikkelsen dominar durante as primeira 9 especiais, é agora a vez de Neuville assumir o comando, mantendo os velozes Latvala e Tanak a distância considerável. O 2º dia da prova australiana ficou marcado pelos azares de Mikkelsen que deu um toque e furou por duas vezes durante a 10ª especial de classificação, mas também Kris Meeke que foi forçado a abandonar depois de ter partido a suspensão do Citroen C3, numa altura em que estava bem posicionado para se manter no pódio. Depois deste cenário, Thierry Neuville atacou com convicção, vencendo 3 troços seguidos para consolidar a liderança da prova, agora com 20,1 segundos de vantagem para Jari-Matti Latvala, que ainda continua na luta pela vitória com o Toyota Yaris WRC, bem como Ott Tanak que coloca o Ford Fiesta WRC no 3º posto a 40,6 segundos do líder.

Craig Breen é agora o melhor piloto da Citroen, ocupado a 4ª posição, mas já a 1m05,2 de Neuville, enquanto o 5º lugar está agora na posse de Hayden Paddon a 1m21,1 mesmo à frente do campeão do mundo Sebastien Ogier que é o 6º classificado a 1m48,2 do comandante. Já bastante mais longe está o Citroen de Lefebvre no 7º lugar a 3m00,2, à frente do Ford de Evans que está a 3m25,3 e do Toyota de Lappi que é o 9º classificado já a 4m20,3. O Rali da Austrália termina na próxima madrugada, com mais cinco especiais de classificação, esperando-se ainda por um possível duelo entre o Hyundai de Neuville e o Toyota de Latvala, com Tanak apenas à espreita de qualquer ocorrência.

scroll up