Bottas vence F1 no Japão e Mercedes conquista título

13 outubro 2019

Valtteri Bottas fez uma partida canhão desde o terceiro posto da grelha, o que acabou por se revelar determinante para a vitória no Grande Prémio do Japão, a primeira desde o Azerbeijão, em abril.

O finlandês bateu o homem da pole, Sebastian Vettel, logo na Curva 1 para depois assumir o controlo da corrida na frente do pelotão e gerir de forma perfeita uma estratégia de duas paragens antes de assinar o sexto triunfo da carreira.

Atrás dele, uma luta de titãs entre Lewis Hamilton e Vettel pelo segundo posto que se estendeu até às últimas voltas. Desta feita, o germânico da Ferrari levou a melhor sobre o rival britânico da Mercedes, que teve de se contentar com o mais baixo do pódio. Ainda assim, o terceiro lugar de Hamilton ajudou também a marca da estrela a garantir já o título de Construtores, igualando assim o seu próprio recorde de seis vitórias consecutivas.

O toque na primeira volta entre Charles Leclerc e Max Verstappen deixou o holandês da Red Bull com a asa frontal danificada, mas não foi tudo. Ao cabo de 15 voltas Verstappen acabou mesmo por desistir.

Enquanto isso, o monegasco da Ferrari recuperou de forma gradual desde a última posição, lugar em que regressou à pista depois de trocar a asa traseira, para terminar em sexto. Contudo, o incidente vai ser investigado depois da corrida.

Leclerc terminou atrás do Red Bull sobrevivente de Alex Albon, quarto, e de Carlos Sainz, que levou o McLaren ao quinto posto.

Daniel Ricciardo (Renault), Pierre Gasly (Toro Rosso), Sergio Perez (Racing Point) e Nico Hulkenberg (Renault) foram os restantes nomes do Top 10.

scroll up