Vergne campeão em vitória de Di Grassi

15 julho 2018

Um início de prova caótico, com o Campeão em título Lucas di Grassi, da Audi Sport Abt Schaeffler, a conquistar a segunda vitória do ano, mas isso não foi o bastante para revalidar o ceptro. Jean-Eric Vergne, da Techeetah, reclamou a coroa da época 2017/2018 ao terminar na quinta posição.

Com apenas 19 carros a partir para a corrida depois de Oliver Turvey (NIO Formula E) se ter lesionado no pulso ao início do dia, o pelotão partiu perante bancadas repletas de público na zona ribeirinha de Brooklyn.

Depois de largar da segunda posição após fantástica prestação na Qualificação e Super Pole, Mitch Evans (Panasonic Jaguar Racing), falhou ao apagar das luzes e caiu para o final do pelotão, o que pioraria depois com o piloto a acabar por desistir.

Passando à volta de Evans, Jerome d’Ambrosio (Dragon) bateu de repente em Lopez na Curva 1, partindo a asa frontal do seu monolugar e a traseira do colega de equipa, o que arruinou o que tinha sido uma boa partida por parte de ambos os pilotos da Dragon.

À quinta volta Lucas de Grassi passou para sexto, relegando Maro Engel (Venturi Formula E) para sétimo enquanto mais atrás Verne ganhava posições.

De forma semelhante, Daniel Abt (Audi Sport Abt Schaeffler) fazia o mesmo, passando à frente de Sebastien Buemi (Renault e.dams) na Curva 11. Mais atrás, os dois candidatos ao título, Vergne e Sam Bird (DS Virgin Racing), ocupavam as 14ª e 9ª posições respetivamente. Apesar de ter começado a corrida em nono, o estreante da Venturi Formula E, Tom Dillmann, tinha já subido a terceiro à 12ª volta.

Com di Grassi colado na roda, Dillmann lutou arduamente para evitar que o brasileiro lhe roubasse o pódio. Mas não foi o bastante. À 16ª volta di Grassi disparou para terceiro, relegando Dillmann para quarto.

Um pouco antes, Vergne e Bird lutavam entre si nas 11ª e 10ª posições respetivamente. Com Bird entre os dois carros da Techeetah a conquista do título por parte do britânico parecia que teria de aguardar até domingo.

Segundos depois, Vergne passou por Bird na reta interior para assumir a décima posição atrás do colega de equipa Lotterer. Com Brid agora em 11º o britânico rodava com o colega de equipa Alex Lynn em 12º.

Lotterer deu continuidade ao ataque, passando Maro Engel na 18ª volta para ascender a oitavo, enquanto na frente tudo o que impossibilitava outra dobradinha da Audi era Buemi, em segundo. Contudo, Abt acabaria por se impor a Buemi, com di Grassi de ditar depois o andamento para cruzar a meta em primeiro, seguido de Abt e Buemi.

scroll up