Mazda abre o ano com novidades e espera pela magia do 3

11 janeiro 2019

O fascínio do design continua a ser um dos fortes argumentos da Mazda. Enquanto não chega o novo e desejado 3, que terá apresentação mundial em fevereiro, chegam uma série de alterações técnicas e, essencialmente, novas motorizações afinadas para as recentes exigências do WLTP. As gerações 2019 do CX-3, CX-5, 6 e MX-5 contribuem para novo fôlego de modelos que já conquistaram o mercado através do design Kodo e das tecnologias Skyactiv, numa estratégia para o futuro, sempre em permanente evolução.

Construir novos motores, com base numa estratégia que vai respeitar as novas regras de emissões, foi o objetivo da Mazda, que alargou a toda a gama os novos motores a gasolina Skyactiv de 2,0 litros. O CX-3, um dos modelos de maior sucesso da marca, passa a contar agora com este bloco de 121 cv de potência, adotando também um novo motor diesel de 1,8 litros com 115 cv. Retoques de design exterior e interior, novos sistemas de segurança e apoio à condução, são atributos não só da mais recente geração do CX-3, mas de todas as novas propostas da Mazda.

O Mazda 6 traduz a mais abrangente atualização de sempre, modelo que, muito, naturalmente, continua a diferenciar-se pela adoção de duas carroçarias distintas, Sedan e Wagon, apontando a alvos igualmente diferenciados, numa oferta de qualidade reforçada em praticamente todos os detalhes do modelo topo de gama da marca. Também com alterações significativas em termos de motorizações, o CX-5 vai continuar a sua evolução de sucesso, sendo um dos SUV mais cobiçados no mercado mundial. O Mazda MX-5, o roadster mais vendido no mundo, também reforça os seus argumentos, essencialmente em termos de performance e dinâmica.

Já disponíveis no mercado nacional, os preços do novo CX-3 iniciam-se nos 27.032€, enquanto o CX-5 começa nos 32.383€. O familiar 6 está disponível a partir dos 41.591€, enquanto o desportivo e atraente MX-5 arranca nos 25.302€.

scroll up