Ni Amorim apresentou a nova equipa da FPAK

21 julho 2017

Fernando Amorim já deitou mãos à obra para implementar os projetos da sua equipa para os próximos quatro anos de mandato. Foi na sede do Comité Olímpico de Portugal que os novos dirigentes e representantes dos clubes trocaram impressões em relação ao futuro.

A equipa de Ni Amorim ficou assim composta: o vice-presidente fica Álvaro Portela; Paulo Magalhães é o secretário-geral; Fernando Ferreira é o escolhido para liderar o departamento jurídico; Camilo Figueiredo gere os dossiês relativos aos ralis; Francisco Fidalgo trata do todo o terreno; Francisco Mora da velocidade; João Ferreira é o responsável pelo Marketing e Comunicação e João Rito gere os assuntos do Karting. 

Simplificar, ajustar e facilitar são as reflexões imediatas da equipa chefiada por Ni Amorim, que pretende dar soluções às principais preocupações dos clubes. Divulgação e promoção das provas são prioridade para os planos da nova equipa, que também pretende encontrar mais patrocínios e contribuir com uma maior visibilidade, como base de um plano estratégico a favor da modalidade.

Entre as diversas vertentes do desporto automóvel, Fernando Amorim distingue a importância do Karting: “A partir daí vem muita coisa por arrasto. É uma magnífica escola de formação e uma vertente que já possui um excelente promotor”.

Em relação à participação de pilotos portugueses em campeonatos internacionais, o Presidente da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting, está consciente das dificuldades que todos eles sentem: “A FPAK não pode patrocinar. Pode e deve mover influências para apoiar esses pilotos, o que terá de ser sempre feito pela via privada”. Começaram novos tempos para o desporto automóvel em Portugal. Esperam-se por soluções que contribuam para vitalizar as suas inúmeras vertentes.

scroll up