Renault cria mais uma ilha inteligente depois da Madeira

24 setembro 2018

Durante dois anos, o Grupo Renault em parceria com diversas entidades vai desenvolver um ecossistema elétrico inteligente que visa reduzir a pegada de carbono e promover a independência energética da ilha de Belle-Île-en-Mer, ampliando assim um projeto que começou na Madeira.  

«O nosso objetivo com este inovador projeto é idêntico ao que temos para a ilha de Porto Santo: conceber soluções globais, através de tecnologias já existentes e outras que estão a ser desenvolvidas, para responder a necessidades locais. Aquilo que vamos realizar em Belle-Île-en-Mer é replicável noutras ilhas, mas, também, a outra escala, como em cidades ou mesmo bairros.» declara Gilles Normand, diretor do Veículo Elétrico do Grupo Renault.

Já a partir de 2019, os residentes e visitantes daquela ilha francesa vão poder recorrer a uma frota de veículos elétricos, que estarão à disposição para aluguer em serviço livre. Esta oferta integra-se na visão do Grupo Renault para desenvolver a mobilidade sustentável que passa, nomeadamente, pelo desenvolvimento de novos serviços de mobilidade partilhada.

Este novo serviço de partilha irá aproveitar os excedentes da energia produzida pelos painéis solares instalados nos principais edifícios públicos. «Com o sistema de carregamento inteligente poderemos iniciar o carregamento dos automóveis apenas na altura em que a energia produzida pelos painéis é superior à consumida», afirma Gilles Normand.

scroll up