Eccclestone deixa de ser o "Senhor" Fórmula 1

24 janeiro 2017

Depois de vários meses de intensas negociações, a Fóruma 1 foi vendida por Bernie Ecclestone à Liberty Media pela módica quantia de 7,5 mil milhões de euros, pondo fim a quase 40 anos de ligação do britânico à disciplina máxima do automobilismo. 

O novo patrão da F1 irá ser Chase Carey e ainda esta semana o Liberty Media Groupa passar-se-á a chamar Formula One Group. O resto da equipa é composta por Ross Brawn como diretor desportivo, enquanto Sean Bratches irá ocupar o cargo de diretor comercial. 

scroll up