Oliveira terceiro em Brno

06 agosto 2017

Depois de ter garantido a segunda posição na grelha de partida para o GP da República Checa, 10ª prova da temporada, Miguel Oliveira lidou bem com todas as incidências da corrida para acabar por terminar na terceira posição, isto numa prova que foi interrompida devido à chuva.

Apesar do Warm-Up molhado, a partida para a prova fez-se com piso seco, com o piloto ACP a surpreender o homem da pole, Mattia Pasini, e a saltar para a liderança da corrida, mas com o italiano a responder ainda na primeira volta.

Oliveira viu-se depois envolvido em animado despique com Franco Morbidelli, Francesco Bandaia e Alex Márquez, mas com a chuva a surgir começaram as alterações na frente do pelotão até que a Direção de Prova decidiu interromper a corrida ao cabo de 12 voltas devido ao aumento da intensidade da chuva.

Contudo, a definição da grelha para a segunda corrida de seis voltas apenas foi feita com base nos resultados da sétima volta, altura em que Oliveira era terceiro, Pasini primeiro e Morbidelli segundo.

No que acabou por ser uma decisão ao sprint, Thomas Lüthi disparou para a frente, com Márquez, Morbidelli, Pasini e Oliveira a seguirem na roda, mas por pouco tempo. Pasini foi ao chão e abandou a corrida, enquanto Oliveira aproveitou para se impor a Morbidelli e subir ao mais baixo do pódio, posição em que acabou por terminar.

scroll up