Novos motores e versões dão outro fôlego ao Kadjar

17 janeiro 2019

Agora já não é necessário fabricar um Kadjar especificamente para Portugal. Finalmente a Renault pode respirar fundo, porque com tração dianteira, o SUV médio da marca francesa já paga classe 1 nas portagens portuguesas, desde que apresente a sempre necessária Via Verde. Disponível em toda a rede de concessionários a partir de 25 de janeiro, o novo Kadjar respira de outra forma. Não só porque se livrou do ónus de necessitar de alterações de fabrico especificas para Portugal, mas também porque se mostra revigorado em relação à geração anterior.

Um design aperfeiçoado, novas jantes e outras cores, fazem sorrir este SUV do segmento C, que pretende disputar os três primeiros lugares dos automóveis da moda. Mas esta nova vida do Kadjar apresenta ainda argumentos bastante fortes, com novas versões e, essencialmente, com as mais recentes motorizações do grupo.

O novo bloco a gasolina de 1,3 litros TCe, que no futuro irá equipar 10 modelos da Renault, é proveniente da parceria com a Mercedes-Benz e contribui com fantástica dinâmica para o Kadjar. Este novo motor a gasolina oferece 140 ou 160 cavalos. Existem também duas ofertas a diesel, o renovado 1.5 Blue dCi de 115 cv e o igualmente novo 1.7 Blue dCi com 150 cv, uma motorização que só estará disponível na primavera.

Com uma potência de 140 cv e um binário de 240 Nm às 1600 rpm, o novo motor a gasolina TCe 140 surpreende pelo conforto e prazer de condução. A sua reatividade rivaliza com os melhores diesel e logo com este bloco fica evidenciada a excelência do chassis do Novo Kadjar, sem comprometer o consumo. Um motor que pode ser associado uma caixa manual de seis velocidade ou à caixa automática de dupla embraiagem EDC de sete velocidades. Já a versão mais potente do novo propulsor TCe de 1.3 litros está representada pela variante de 160 cv, com um binário de 260 Nm às 1.750 rpm, são entregues de forma suave e sem vibrações, permitindo usufruir de uma condução despreocupada. Disponível com a caixa de 6 velocidades manual ou a caixa de 7 velocidades automática de dupla embraiagem EDC7.

Na versão Blue dCi 115, o motor foi concebido para aliar conforto de condução e reatividade, graças aos 115 cv de potência e 260 Nm de binário às 2.000 rpm, podendo ser associado a uma caixa de 6 velocidades manual ou a uma caixa de 7 velocidades automática de dupla embraiagem EDC. Já o novíssimo motor a diesel 1.7 litros de cilindrada, Blue dCi 150, representa o equilíbrio perfeito entre a eficiência e o prazer de condução, graças à superior potência que oferece. Um bloco que está disponível com 150 cavalos e um binário de 340 Nm, acoplado a uma caixa de 6 velocidades manual, com transmissão dianteira (4x2) ou integral (4x4), esta motorização só estará disponível na primavera.

O novo Kadjar melhorou em tudo, mostrando igualmente uma evolução de equipamentos e um interior mais cuidado, com nova consola central e com um visual a acompanhar as mudanças de estilo exteriores. Em relação a preços, as versões a gasolina arrancam nos 27.770€ enquanto o diesel começa nos 31.140€.

scroll up