Até de Isetta se fugiu da Alemanha de Leste

03 outubro 2019

Ao longo de 28 anos, a Alemanha de Leste foi controlada por comunistas e esteve separada do enclave capitalista de Berlim Ocidental por uma barreira de cimento, arame farpado e guardas fortemente armados.

As primeiras barricadas daquele que ficaria conhecido como o Muro de Berlim apareceram em agosto de 1961, após se atingir um número recorde de alemães orientais a querer abandonar a RDA (República Democrática da Alemanha) através de Berlim Ocidental. Nas três décadas seguintes, a barreira separou famílias e bairros.

Foram muitas as pessoas que tentaram passar para o lado ocidental da cidade, recorrendo a meios desesperados, estimando-se que cerca de centena e meia de pessoas morreu ao tentá-lo. Mas nem todas foram histórias trágicas, algumas até bem divertidas, como a do pequeno BMW Isetta que ao longo de 1964 ajudou 9 pessoas a saltar aquela barreira. 

scroll up