Al-Attiyah volta a vencer, mas Sainz já prepara a festa

19 janeiro 2018

O penúltimo dia do Dakar 2018 voltou a salientar a dureza da prova com algumas surpresas e abandonos pelo caminho. A Toyota, sem nada a perder, marcou o ritmo do dia e chegou a rolar com quatro Hilux nos quatro primeiros lugares, até ao abandono inglório do holandês Bernhard Ten Brinke já na parte final da etapa, devido a avaria mecânica. Nasser Al-Attiyah que também não teve um dia completamente limpo de azares, pegou nas sortes da corrida, acabando por chegar a Córboba no 1º lugar, deixando o seu colega de equipa argentino, Lúcio Álvarez, na 2ª posição a uns consideráveis 11m16 de diferença. Outra Toyota, a de Giniel De Villiers terminou o dia no 3º lugar a 13m06 de Al-Attiyah.

Depois de um pódio totalmente Toyota, foi a vez de surgirem dois Mini, que também aproveitaram o calculismo dos Peugeot para subirem na classificação. Jakub Przygonsky foi o 4º classificado a 15m07, seguido por Mikko Hirvonen a 19m24 do vencedor. Depois surgiu um calmo Carlos sainz que só já sabe pensar na sua segunda vitória no Dakar. O espanhol da Peugeot terminou na 6ª posição a 19m37 do vencedor, seguido do Mini de Garafulic, com Filipe Palmeiro como navegador, a 22m4. Quanto a Stephane Peterhansel, que embateu numa árvore ao quilómetro 78 da especial, danificou a direção assistida do Peugeot 3008 DKR, perdeu mais de uma hora e terminou o dia na 15ª posição, caindo para o 4º lugar da classificação geral.

Quando falta apenas um dia de competição para o final do Dakar 2018, com um troço cronometrado de 119 km, com partida e chegada a Córdoba, para a tão desejada consagração. Carlos Sainz tem tudo na mão, com uma liderança de 46m18 perante Nasser Al-Attiyah e 1h20m00 frente a Giniel De Villiers que é o 3º classificado, ambos em Toyota. Stephane Peterhansel caiu para o 4º lugar e está a 1h28m08 do seu colega da Peugeot. A 5ª posição é do Mini de Przygonsky já a 2h46m32 de Carlos Sainz. Em Córdoba tudo preparado para a festa de Carlos Sainz e da Peugeot, embora ainda existam 119 km ao cronómetro, e este Dakar tem sido fértil em surpresas.

Sábado, 20 de janeiro/14ª Etapa (Córdoba/Córdoba) – 284 km (SS: 119 km)

A derradeira etapa do Dakar 2018 não será um “passeio no parque”, sobretudo, se se estiver a lutar por uma posição de destaque. Cerca de 30 passagens de ribeiros requererão um elevado e último esforço de concentração que poderá terminar em glória ou em desilusão.

scroll up