Tanak e a Toyota lideram WRC após vitória na neve da Suécia

17 fevereiro 2019

O piloto estónio conquistou na Suécia a sétima vitória no WRC e passou a liderar o campeonato, dando à Toyota a liderança entre os construtores. Ott Tanak até a Power Stage venceu, conquistando mais cinco pontos adicionais e demostrando que está disposto a lutar pelo título com Neuville e Ogier, os outros dois grandes candidatos de 2019.

Mas na Suécia houve outro sinal positivo, o de Esapekka Lappi que subiu ao 2º lugar do pódio a 53,7 segundos de Tanak, demonstrando excelente adaptação ao Citroen C3 WRC. Thierry Neuville, o segundo mais rápido na Power Stage, conquistou o 3º lugar no rali sueco a 56.7 segundos do vencedor, dando à Hyundai pontos preciosos para o campeonato de construtores, que somou ainda o calculado 4º posto de Andreas Mikkelsen na prova a 1m05,4. Depois de Suninen ter chegado a liderar o rali, o melhor Ford Fiesta em prova acabou por ser o de Elfyn Evans, ao conquistar o 5º lugar a 1m08,2 de Ott Tanak.

Depois de um “top 5” bastante emotivo, onde se destacou um imparável Tanak, de registar a 6ª posição de Kris Meeke em Toyota a 1m38,8 do vencedor e a 7ª posição de Sébastien Loeb com o Hyundai i20 a 1m49,7. Já bastante longe, Pontus Tidemand registou o 8º lugar a 3m37,7, à frente do melhor WRC 2 em prova, o VW Polo R5 de Ole Veiby, que ganhou grande vantagem perante o Citroen C3 R5 de Mads Ostberg, que triunfou na nova categoria WRC 2 Pro. Jari Huttunen em Skoda Fabia R5, o único piloto da categoria WRC 2 que chegou a incomodar Veiby e até chegou a vencer um troço à geral, abandonou na penúltima especial do rali.

Uma vitória inequívoca para Ott Tanak que coloca o WRC 2019 ao rubro, com o piloto estónio a comandar o campeonato com 47 pontos, seguido por Thierry Neuville com 40 e por Sébastien Ogier com 31 pontos, que na Suécia apenas somou os 2 pontos do 4º lugar na Power Stage. Kris Meeke é agora o 4º no mundial de ralis com 21 pontos, seguido por Esapekka Lappi com 19 e por Sébastien Loeb com 18 pontos. Entre os construtores, a Toyota comanda com 58 pontos, apenas mais 1 ponto que a Hyundai que soma 57. A Citroen está no 3º lugar com 47 pontos e a M-Sport Ford na 4ª posição com 30 pontos. A próxima prova é o Rali do México, marcado para os dias 7 a 10 de março.

scroll up